Tivemos uma fase recente onde muito se dizia que as novas tecnologias, como o comércio eletrônico, estaria acabando com o varejo offline e que teríamos uma grande quantidade de pessoas perdendo seus empregos e lojas fechando. Na verdade o que ocorreu foi uma grande evolução do setor, influenciado pela Internet, redes sociais e dispositivos móveis. A computação em nuvem teve sua participação como ferramenta necessária para potencializar essa transformação.

Após o período de consolidação da nuvem, comprovando as vantagens competitivas, um ambiente seguro e os diversos casos de sucesso, o setor de varejo acreditou que poderia se beneficiar tanto no ambiente online quanto no offline e que seria uma importante decisão estratégica migrar para a cloud computing.

Computação em nuvem como decisão estratégica para o crescimento do varejo

O setor varejista literalmente abraçou a computação em nuvem como peça fundamental para o crescimento e para obter resultados reais quanto a redução de custos operacionais e alcançar vantagens competitivas frente aos concorrentes.

A cloud computing permitiu ao varejo a inovação em um mercado de forte competição e com grandes impactos financeiros. Foi a nuvem que possibilitou a criação e expansão de grandes redes de varejo, no momento em que se reduziu a necessidade de altos investimentos em TI.

Benefícios estratégicos alcançados ao adotar a nuvem

Benefícios operacionais como relatórios em tempo real, operações mais simplificadas, velocidade e flexibilidade foram algumas das vantagens que foram rapidamente sentidas no setor varejista ao migrar e adotar a nuvem.   

Previsibilidade

Os recursos de tecnologia associados a computação em nuvem, como a análise de dados, permitiu o aumento da previsibilidade das empresas do setor de varejo. Isto quer dizer que a nuvem permite o processamento eficaz de informações sobre hábitos e preferências de compra dos clientes, que impacta diretamente no controle sobre a aquisição e entrega de mercadorias dentro de uma rede de lojas. Tudo isso tendo como base informações processadas e disponibilizadas em tempo real.

Eficiência

Na questão de tecnologia, a computação em nuvem permitiu grandes avanços na infraestrutura de negócio, garantindo a eficiência e a alta disponibilidade, itens essenciais em um setor que não para e que possui uma grande movimentação financeira todos os dias.

Redução de custos operacionais

Os investimentos necessários para garantir uma infraestrutura na nuvem elimina totalmente os custos de aquisição ligados a licenciamento de software, hardware e ativos de rede. Permitindo desta forma, direcionar a outras prioridades dentro do setor, como por exemplo estrutura organizacional, a produtividade e funcionários.

Consolidação de dados

O gerenciamento das operações quando se possui a fragmentação de dados em uma rede de lojas torna-se um grande risco operacional e financeiro. A nuvem possibilita a convergência das informações, o armazenamento dos dados em local estratégico e seguro. Permitindo aos varejistas economizar tempo e dinheiro ao ter acesso a relatórios e informações reais do inventário de todas as lojas, auxiliando nas melhores decisões estratégicas.

A computação em nuvem está mudando o varejo rapidamente e sua empresa precisa fazer parte desta mudança. Entre em contato com a Sky.One e saiba mais.