A tecnologia de armazenamento de dados em servidores digitais conhecida como cloud computing ou nuvem já não é mais nenhuma novidade na área de TI. Pois hoje em dia qualquer pessoa tem acesso a este tipo de serviço, basta criar uma conta de e-mail ou usar um aplicativo para dispositivos móveis. De fato, a cloud computing faz parte de nosso cotidiano mesmo quando não percebemos. Por exemplo, quando pagamos uma conta através da internet, quando visualizamos fotos em uma rede social, quando assistimos uma série em um serviço de streaming de vídeo.

Mas quando se trata do meio empresarial, o uso de cloud computing ainda é motivo para questionamentos por conta das ameaças digitais. Muitos empreendedores temem armazenar dados importantes de seu negócio na nuvem e os colocarem em risco de ataques ou perdas. Por isso, no artigo de hoje iremos apresentar algumas formas de minimizar os riscos à segurança da cloud.

Continue lendo para conferir.

1. Criptografia de dados

No setor de TI a criptografia de dados é uma técnica utilizada para converter uma informação convencional em um “arquivo secreto” e extremamente seguro. Um exemplo básico é quando uma senha é criptografada. Basicamente, ela é embaralhada de modo tão complexo que apenas um sistema que contém a chave de sua criptografia pode decifrá-la.

A criptografia de dados é comumente utilizada para garantir a segurança de dados armazenados em servers públicos em cloud computing, como em transações que utilizam dados pessoais dos usuários como RG, CPF, data de nascimento, senhas (como em pagamentos com cartão de crédito), etc.

2. Firewall

É possível otimizar a segurança lógica dos dados de sua empresa que estão armazenados em cloud computing alocando um Firewall. Tais serviços costumam ser comercializados por tempo de uso (hora) e sua disponibilidade varia de acordo com o uso dos recursos utilizados dentro da nuvem.

3. Plano de contingência e recuperação de desastres

Toda empresa que possui um setor de TI eficiente certamente possui um ou mais planos de contingência e recuperação de desastres. Esses planos consistem não apenas em garantir que a produtividade da empresa se mantenha intacta caso algum desastre em TI ocorra (como ataques de hackers, quedas de energia ou avarias em equipamentos), como também em precaver que acidentes ou incidentes possam comprometer as atividades operacionais.

Um plano de contingência e recuperação de desastres contém desde meios de recuperar dados, softwares e informações importantes por meio de backups eventuais, até o registro de ameaças e problemas que podem se tornar recorrentes e como evitá-los.

Sua aplicação pode aumentar significativamente a segurança da cloud computing.

4. Estabeleça níveis de privacidade

Uma forma mais simples de minimizar as ameças à segurança da cloud computing muito eficaz é através da configuração da nuvem.

É preciso estabelecer minuciosamente quais usuários têm acesso a determinados dados e aplicações que estão armazenadas na nuvem para se ter controle das informações e impedir roubo e vazamento das mesmas. Em outras palavras, é importante evitar que o acesso seja compartilhado com qualquer usuário, determinando um sistema de hierarquia e responsabilidade.

5. Escolha um fornecedor de confiança

Uma das formas mais seguras de minimizar os riscos à segurança dos serviços armazenados na cloud é a escolha de um fornecedor de confiança. Além de oferecer um serviço de qualidade em que o desempenho das aplicações de sua empresa será garantido, um fornecedor de serviços de cloud possui mecanismos avançados de criptografia e segurança que podem manter todos os dados de seu negócio totalmente protegidos contra todo o tipo de ameaças digitais.

Um ótimo exemplo de fornecedor de serviços em nuvem é a AWS, que fornece serviços de cloud segura, como:

  • Armazenamento de banco de dados
  • Distribuição de conteúdo
  • Poder computacional

A AWS tem ajudado empresas do mundo inteiro a expandir seu poder competitivo por meio de suas soluções e produtos que otimizam a segurança dos serviços da cloud, além de possibilitar aplicações cada vez mais sofisticadas, automatizadas e eficientes.

Vale ressaltar que o gestor pode contar com um suporte técnico especializado e uma equipe altamente qualificada para lhe orientar durante todo o processo de migração de suas aplicações para a nuvem.

Quer saber mais sobre como minimizar os riscos à segurança da cloud? Então entre em contato conosco! A Sky.One é parceira estratégica da AWS para soluções em nuvem.