Um ambiente globalizado, altamente competitivo e crescente, este é um cenário comum para as empresas do setor de varejo atualmente. Adotar uma política eficiente para o gerenciamento de toda cadeia produtiva se tornou uma prioridade para quem tem os objetivos de aumentar os ganhos, maximizar os lucros e minimizar os custos. A computação em nuvem se tornou uma forte aliada para alcançar tais metas.

Imaginando o funcionamento do setor de varejo, temos processos como fabricação, transporte, armazenamento, vendas, gestão, etc. Uma plataforma bem estrutura, construída na nuvem, permite otimizar processos, adotar uma nova estratégia de otimização de custos e auxilia no suporte para a tomada de importantes decisões nas empresas.

Uma arquitetura de tecnologia baseada em multicamadas

Uma arquitetura de computação em nuvem proposta ao setor de varejo possui uma estrutura multicamadas. Composta por um conjunto de soluções, serviços e infraestrutura de diferentes tecnologias, as empresas passam a gerenciar seus negócios orientadas a processos.

Essa estrutura de TI criada na nuvem, permite, por exemplo, gerar informações necessárias para avaliar os custos dos processos de produção e logística e propor soluções otimizadas com base em dados reais processados em tempo real. Quando bem planejado e executado, um projeto de Cloud Computing pode ser aplicado a todos os setores da empresa.

O uso de uma solução baseada na nuvem e aplicada ao varejo é sem dúvida um projeto viável. Tendo como princípio a ideia de que toda a arquitetura é fornecida como serviço, isso gera uma grande quantidade de benefícios que são revertidos na melhoria dos processos.

  • A computação em nuvem permite ter acesso a plataformas de hardware e soluções de software sem a necessidade de custos de aquisição. Na nuvem você basicamente paga pelo que usar.
  • As pequenas e médias empresas tem acesso a soluções profissionais com menos investimentos em TI.
  • As equipes internas de tecnologia são aproveitadas para auxiliar na melhoria dos processos, buscando e desenvolvendo soluções de acordo com as necessidades da empresa.
  • A redução de custos ligados a tecnologia permite o redirecionamento do orçamento para a otimização dos processos internos.

Otimizando os processos do setor de varejo com a computação em nuvem

Vale ressaltar que os sistemas ligados ao varejo, baseados na computação em nuvem, também permite uma melhor colaboração interna, um eficiente monitoramento de toda cadeia produtiva que reflete em melhores produtos e serviços para clientes.

A computação em nuvem vem como um instrumento para auxiliar no princípio de entregar o produto certo, na quantidade certa com um custo mínimo. Entretanto, a nuvem não faz o trabalho sozinha. As empresas devem adotar uma boa política de gerenciamento da cadeia produtiva, incluindo todos os níveis operacionais: do estágio de design dos produtos até o seu funcionamento operacional.

A integração da computação em nuvem aos processos do setor de varejo oferece grandes benefícios e retorno financeiro, abrindo as portas para o crescimento sustentável de mercado. Entre em contato com a Sky.One e saiba como iniciar seu projeto de migração para a nuvem.

Escrito por

Equipe Sky.One

Este conteúdo foi produzido pela equipe da SkyOne, composta por especialistas em nuvem e transformação digital.