Por: Roberto Arruda*

Todos sabemos que as mudanças são constantes, o novo normal testa nossa capacidade de adaptação a um cenário totalmente improvável. Impossível tentar antecipar ou prever o futuro, mas sabemos que estamos vivendo um enorme desafio em uma velocidade extraordinária. Como vamos enfrentar esses desafios? 

Crises geram mudanças permanentes. Ao longo da minha jornada, vivi alguns desafios que tiveram grandes impactos econômicos, financeiros e nas pessoas. Em momentos como esse, algumas regras precisam ser seguidas: é preciso olhar para as pessoas, pois é uma situação de muita ansiedade e incerteza. Deve-se criar uma comunicação muito transparente e direta, que transmita confiança, crie otimismo e experiências positivas. E, claro, olhe para dentro e para fora: se pergunte como está a sua empresa nesse momento, quais são suas prioridades, como estão seus clientes e o que pode fazer por eles. 

Este é o momento certo para as empresas tirarem os valores e cultura do papel e do discurso e apresentarem na prática, e o líder tem papel fundamental neste processo. Inspire e ajude as pessoas a trazerem o seu melhor agora. É fundamental entender a verdadeira dinâmica da liderança para vencer esse período!

O que alguns de nós vivemos há vários anos, Plano Collor nos anos 90, ou a bolha das empresas nos anos 2000, tiveram enormes impactos econômicos, financeiros e em pessoas. Me lembro que em 2001, a Cisco Systems, empresa para a qual eu trabalhava na época, uma gigante da internet, uma das empresas mais valiosas de Wall Street, dispensou algo como 20% dos seus empregados. 

Mas o que é diferente agora para o enfrentamento da crise e a retomada? Dois pontos me chamam a atenção: tecnologia avançada e a infraestrutura disponível. Nas crises passadas não tínhamos tantos recursos disponíveis. Eles vão transformar a forma que vamos lidar com o desafio atual. 

Como nos relacionamos, como nos comunicamos, como estamos trabalhando remotamente irá transformar a forma como fazemos negócios. A cloud, por exemplo, é uma infraestrutura disponível para retomarmos os negócios de forma acelerada. Escalabilidade, performance, segurança, mobilidade, hoje, estão disponíveis para você. 

Na Sky.One, iniciamos uma campanha para os clientes dos nossos parceiros para que possam começar essa adoção e se sentirem seguros, são 30 dias gratuitos para até 5 usuários, e assim podem reduzir o impacto no seu dia-a-dia. Se não estiverem prontos, podem voltar aos seus servidores locais, sem custo. 

Por fim, outro ponto importante é como juntos vamos nos preparar para a retomada dos negócios. Estou falando da força de vendas. A forma, o como, irão mudar. Novas habilidades e competências vão ser exigidas, que vão da forma como fazem prospecção, até a maneira de revisar a proposta com o cliente. Mudanças significativas nas relações entre empresas vão exigir uma nova preparação, um novo engajamento.  Inclusive, apresentei mais a fundo esses tópicos durante a Maratona de Webinars da Sky.One, clique aqui para acessar o conteúdo!

Queremos apoiá-los para que a retomada seja acelerada. Vocês são muito importantes para a Sky.One e juntos vamos trabalhar no novo normal para sairmos mais fortes. 

*Roberto Arruda é Chief Revenue Officer (CRO) da Sky.One