Já faz algum tempo que o mercado financeiro vem passando por uma série de mudanças, muito por conta do avanço das soluções e tecnologias desenvolvidas por empresas que querem facilitar a vida de empresas e clientes diretos. Por isso, é fundamental entender a diferença que existe hoje entre bancos e Techfins.

Com a constante mudança do consumo, com o público buscando cada vez mais facilidade e agilidade nos processos diários, principalmente os financeiros, foi aberto um espaço para que empresas de tecnologias pudessem ingressar nessa área também.

Mas as Techfins já podem bater de frente com os grandes bancos? E qual o papel que os bancos ainda podem cumprir? A partir de agora vamos contar quais são as diferenças entre bancos e Techfins para que possa entender qual a melhor opção para sua empresa.

O que é TechFin?

Pode parecer lógico pensar que as Techfins são simplesmente um aprimoramento do que conhecemos como Fintechs, mas na verdade esse entendimento vai mais além. Esse é um tipo de mercado totalmente novo, e podemos definir essas empresas como negócios de tecnologia que busca soluções financeiras para seus clientes.

Por originar deste espaço tecnológico, com foco em ambientes de comércio eletrônico, essas organizações estão conectadas a vários clientes, consumidores e empresas. Muitas vezes, elas combinaram as funções de finanças com o conjunto de dados disponíveis para aí sim aprimorar suas ofertas pensando na experiência do cliente.

Nesse caso, a diferença entre Fintech e Techfin é baseada na origem da organização. A Fintech geralmente faz referência a uma empresa na qual os serviços financeiros são prestados como solução principal, usando tecnologias digitais para reduzir custos, aumentar a receita e remover o atrito nas ações.

Como alternativa, as Techfins geralmente fazem referência a uma empresa de tecnologia que encontra uma maneira melhor de fornecer produtos financeiros como parte de uma oferta mais ampla de serviços. Exemplos de empresas Techfins que operam no mundo todo incluem Google, Amazon e Facebook.

As diferenças entre Bancos e Techfins

Entendendo melhor o que são as Techfin, fica mais fácil listar as diferenças entre elas e os bancos tradicionais.

Podemos dizer que nas operações com bancos, sempre há esse ponto do tradicional, ou seja, você conta com processos determinados a muito tempo, que muitas vezes geram uma série de problemas para o cliente final.

Entre eles está a burocracia e a necessidade de lidar com um gerente financeiro para atender às solicitações, por mais simples que elas sejam. Entre as demais características, podemos listar:

  • Presenciais: na maioria dos casos, os serviços realizados com bancos tradicionais demandam ações em agências físicas, tratando diretamente com pessoas e representantes dos bancos. Isso geralmente significa enfrentar filas para realizar ações simples que já poderiam estar disponíveis de forma mais simples;
  • Lentos: diferentemente das operações digitais, que tendem a ser resolvidas em poucos instantes, com a liberação ou não de crédito por exemplo, os bancos tradicionais geralmente possuem processos bem lentos, o que dificulta o trabalho das empresas que dependem de um retorno rápido para tomar uma decisão.

Já as Techfins surgem como desenvolvedoras de soluções de tecnologia capazes de oferecer soluções financeiras para as empresas que buscam uma modernização e agilidade em suas operações nesta área

Um exemplo básico dessa diferença é a oferta de Techfins para realizar serviços bancários junto de um outro serviço complementar e essencial para os clientes, o que não pode ser oferecido pela maioria dos bancos tradicionais.

Benefícios da Techfin

Dada a importância de todos os dados já coletados e armazenados, as Techfins podem oferecer serviços financeiros, criando uma concorrência direta com os bancos tradicionais, pois vão conseguir atender o seu cliente com base em 3 pilares:

  • de uma forma segura;
  • muito mais ágil;
  • atendendo as reais necessidades dos clientes;
  • utilizando os principais recursos do meio digital.

À medida que as Techfins crescem, sua rede de dados também evolui, podendo mostrar oportunidades para oferecer serviços cada vez mais especializados aos seus clientes.

Sua capacidade de reduzir custos de transação, fornecer um conjunto de dados mais abrangente e, assim, melhorar os resultados da tomada de decisão, aumenta a confiança para aqueles que anteriormente estavam acreditando apenas nas instituições bancárias maiores e tradicionais.

Ficou mais clara a diferença entre esses modelos de bancos e Techfins? E qual a sua empresa está disposta a utilizar para conseguir o máximo de benefícios possíveis?

Para a sua escolha, é importante saber que a Sky.One conta com uma plataforma direcionada especialmente para atender esse mercado, oferecendo soluções externas e serviços financeiros de maneira rápida e simplificada, na nuvem. Tudo isso através do Sky.Simple, plataforma conectada ao sistema de gestão e simplifica processos financeiros.