Em um mercado no qual se exige cada vez mais inovação, muitas organizações têm encontrado no sistema de gestão integrada (SGI) as soluções e estratégias para otimizar os processos internos da organização.

Para você ter uma ideia, segundo um levantamento da Deloitte, 89% das empresas investiram em sistemas e ferramentas de gestão em 2020 e em 2021, 59% delas aumentaram os investimentos nessas plataformas.

Assim, diante da sua relevância para um ambiente empresarial inovador e competitivo, capaz de proporcionar mudanças significativas na gestão corporativa, este artigo vai te ajudar a entender melhor sobre os sistemas de gestão integrada e como eles são capazes de ajudar as organizações. Confira!

O que é um sistema de gestão integrada?

Geralmente, uma empresa que possui diversos setores, costuma ter fluxos e processos diferentes acontecendo nas suas diferentes áreas. O que ocorre é que elas acabam sendo analisadas de forma isolada e com uma mínima comunicação com os demais setores.

Esse contexto dificulta ao gestor a possibilidade de ter uma visão sistêmica da empresa, posto que cada área trabalha com processos diferentes e de forma independente de outros setores.

Assim, seja para a logística, vendas, estoque, marketing ou qualquer outro setor, todos fazem o uso de ferramentas que não trocam informações entre si, o que dificulta uma visão estratégica do negócio.

Com o SGI, esse cenário é revertido. Um Sistema de Gestão Integrada (SGI) vai promover a integração de sistemas, métodos e técnicas utilizadas em uma empresa. Ou seja, ele vai unificar os processos e sistemas em uma só plataforma, permitindo que o gestor tenha uma visão integrada do funcionamento de todo o negócio.

Por isso ele tem se tornado fundamental em um cenário crescente de competitividade, exigindo que as empresas busquem soluções mais ágeis e padronizem processos na rotina organizacional. 

Afinal, se o seu time de marketing tem acesso a informações precisas e rápidas de informações valiosas sobre o processo de vendas, como especificidades geográficas e comportamentais, que estão sendo geradas pelos times de vendas e logística, por exemplo, o direcionamento das campanhas e ações poderão ser muito mais eficazes.

Assim, com a velocidade da produção e compartilhamento de dados e informações que um SGI entrega, o gestor é capaz de analisar e pensar estrategicamente sobre o negócio que gerencia.

Quer saber mais sobre o tema? Baixe nosso material Negócios mais estratégicos com decisões baseadas em dados.

Como identificar que a sua empresa precisa de um SGI?

Não sabe por onde começar? 

Verifique inicialmente: o sistema de logística, a transparência dos dados, a organização e as questões tributárias na empresa. Em cada um desses itens verifique as dificuldades apontadas abaixo. Se sua empresa possuir tais fraquezas, é hora de adotar um Sistema de Gestão Integrada:

1- Logística fraca

A dificuldade na Logística pode resultar da falta de comunicação entre os setores de vendas e logística, por exemplo, gerando uma ineficiência que pode repercutir em atrasos na entrega, bem como demais erros que poderiam ser poupados com um SGI.

Isto vai gerar ônus para a empresa como um todo. Se há predominância desse tipo de problema, um SGI vai auxiliar a uniformizar o trabalho, integrando os setores responsáveis a fim de garantir entregas corretas dentro do prazo estabelecido.

2- Baixa transparência dos dados

Uma baixa transparência de dados sobre lucros e entrada de verba pode levar a pouca visibilidade dos recursos e que vão refletir sobre a precificação. 

Assim, torna-se importante conhecer bem a origem das entradas de verba na empresa, para entender quais produtos dão quais resultados.  Com isso, é possível fazer ajustes no preço, caso haja necessidade.

Essa visualização completa da lucratividade pode ser realizada com o SGI.

3- Desorganização e falta de integração

A desorganização empresarial pode ser mapeada quando há desconhecimento do fluxo de caixa, não há clareza sobre a quantidade matéria-prima disponível no estoque, bem como há dificuldade para calcular a quantidade de insumos.

Todos esses fatos são sinais evidentes de que a gestão não está integrada e setores trabalham de forma isolada, sem compartilhar informações que possam ajudar no crescimento coletivo da empresa.

4- Desconhecimento tributário

O gestor que não tem preparo suficiente para lidar com a questão tributária da empresa pode incorrer em erros que vão prejudicar a empresa junto aos órgãos competentes.

Se a empresa não arcar com as obrigações legais por descuido ou falta de conhecimento do gestor, ela sofrerá penalizações que, a depender da estrutura do negócio, podem interferir diretamente no desempenho, na credibilidade e no posicionamento no mercado.

5- Falhas recorrentes 

Quando foram desenvolvidos, muitos softwares foram pensados em um único objetivo: ajudar o usuário com as suas dores para complementar e enriquecer dados corporativos.

No entanto, a necessidade de personalizar as soluções gerou problemas recorrentes de conexão, segurança e sincronização. Isso porque as soluções não foram desenvolvidas para comunicarem entre si.

Por que investir na integração de processos do negócio?

Um sistema de gestão integrado é necessário para sanar as dificuldades e problemas citados anteriormente e impulsionar os resultados da empresa. Para isso é preciso saber escolher a plataforma de acordo com as demandas e objetivos a serem estabelecidos pela empresa.

Assim, a escolha deve levar em consideração a credibilidade e reputação que o sistema de integração possui no mercado.

Em suma, conheça as principais dores do seu negócio e como o sistema pode eliminá-las:

1- Sistema de Gestão Integrada e o aumento da produtividade

Com a integração completa de setores, equipes e processos, naturalmente o desempenho da empresa vai melhorar. Aqui, a equipe vai trabalhar de forma mais eficiente ao ter uma visão completa dos processos e poder dedicar-se de modo mais ágil e alinhado com os objetivos da empresa.

O gestor, por sua vez, terá um panorama geral do desempenho da equipe, analisando os níveis de produtividade e com esse dado pode ainda tomar decisões e fazer investimentos que melhorem a produtividade da equipe.

2- Otimização do trabalho

Aliado ao aumento da produtividade, temos a otimização do trabalho das equipes, também em função da integração dos processos e setores. 

Assim, setores que geram informações que são relevantes entre si, como vendas e marketing, podem dialogar melhor sobre suas demandas e processos, acompanhando em tempo real o que está sendo executado e corrigindo durante o processo. 

Isso além de evitar retrabalho, contribui para a entrega do produto ou serviço com maior qualidade e sem atraso na entrega.

3- Sistema de Gestão Integrada e a estratégia nas decisões

A visualização integrada dos processos e do desempenho das equipes dá ao gestor um panorama rico em informação sobre setores que dão maior lucratividade ou que têm maior produtividade.

Tais informações em relatórios entregues pelo sistema de gestão integrada servem de base para uma tomada de decisão mais precisa e estrategista, uma vez que ele consegue visualizar indicadores e métricas, analisando a atuação de cada setor ou desenvolvimento de cada processo, identificando prós e contras e remodelando a estratégia, caso haja necessidade.

4- Segurança da informação

Pelo sistema de gestão integrado, o gestor consegue ter acesso a dados e informações relevantes e precisas sobre os processos e  indicadores da empresa. 

Essa segurança sobre a informação que se obtém é que permite tomar decisões corretas e efetivas, pois são realizadas em cima de uma panorama real, diagnosticado pelo sistema de gestão integrada.

5- Sistema de Gestão Integrada e a economia de tempo e dinheiro

Outro benefício evidente com a implantação de um SGI é a economia de custo e tempo. Afinal, o sistema integrado será alimentado por todos os setores e todos poderão visualizar os novos dados em tempo real.

O próprio sistema poderá processar e gerar relatório instantaneamente, atualizando os dados de acordo com a entrada deles no sistema. Na lógica dos procedimentos empresariais, isso facilita o trabalho e encurta o acesso de outros setores aos demais, por meio do sistema.

Conclusão sobre o Sistema de Gestão Integrada 

Um sistema de gestão integrado torna a gestão empresarial mais sofisticada e também mais ágil e eficiente. 

Um dos diversos fatores que levam aos resultados do SGI é o acesso facilitado a dados precisos sobre o desempenho de cada área da empresa (marketing, vendas, financeiro, logística etc), o que dá condições do gestor alcançar uma visão analítica e inteligente, com base em informações relevantes.

Logo, o sistema de gestão integrada ressalta a importância da gestão orientada por dados. Quer saber mais sobre o tema? Converse com um dos nossos especialistas!