A pandemia causada pelo coronavírus marcou 2020 em todas as esferas da sociedade. No começo de março, todos foram pegos de surpresa com as novas medidas preventivas para combater a proliferação do vírus. O isolamento social que inicialmente duraria quinze dias, transformou-se em um mês e, após seis meses, ainda não voltamos totalmente à normalidade. Empresas e pessoas foram obrigadas a adotar novos modelos de trabalho e de convívio, abraçando assim o chamado “novo normal”.

O escritório mudou de endereço e muitos profissionais passaram a trabalhar em casa. As companhias então, tiveram de repensar as melhores medidas para manter o ritmo de trabalho no sistema home office. Além de adequar suas estruturas para viabilizar o pleno funcionamento da operação, também foi preciso observar como apoiar o colaborador neste momento de incertezas, inseguranças e até mesmo ansiedade perante o cenário de emergência global.

As lideranças juntamente com a área de RH passaram a desempenhar um papel ainda mais importante na gestão de pessoas. O trabalho remoto impacta na proximidade da equipe e com a distância, foi preciso estar ainda mais perto de cada funcionário para entender suas necessidades individuais, determinando assim as melhores soluções para apoiá-lo. São situações diversas, colaboradores que moram sozinhos, outros que passaram a dividir o espaço de trabalho com a esposa e filhos, etc., o que revela pontos distintos como cada um lida ao realizar suas atividades remotamente.

Para manter toda a empresa conectada e integrada, a Sky.One buscou um modelo de comunicação contínua, com reuniões semanais. Nessas chamadas de vídeo são compartilhados resultados, anúncios de novos clientes, inovações e até a celebração de aniversários de membros da equipe. Essa tem sido uma maneira de fazer com que a “rádio corredor” continue operando, o que culturalmente transmite muita informação da empresa e estimula a proximidade e o bom convívio interno.

Outra medida adotada pela Sky.One foi a aplicação do sistema OKR – Objetives and Keys Results – metodologia de gestão de pessoas que ajuda a criar metas e traçar estratégias nas organizações com o objetivo de levar mais agilidade, clareza e organização para as pessoas. O sistema foi implementado em virtude da pandemia e hoje quase 100% da companhia já está integrada. Publicado virtualmente, o sistema apresenta melhor o direcionamento e deixa claro os objetivos da empresa, o que foi realizado e o que está previsto. Este modelo facilita a segmentação por área, além de atender as necessidades de cada um, individualmente.

Papel da liderança na gestão de pessoas

Embora o setor de RH seja crucial para a gestão de pessoas, é a liderança que ocupa lugar de maior relevância no tato com as equipes. No momento em que todos foram surpreendidos com a pandemia, foi necessário aos gestores deixar tudo muito transparente sobre o que estava acontecendo para o restante da empresa. Há seis meses existia uma enorme insegurança em relação aos próximos rumos: quando o vírus vai passar? O que vai acontecer com a economia? 

Foi preciso então, ser muito honesto e apresentar quais eram os riscos e os planos estratégicos.  A base para enfrentar esse momento conturbado de modo geral, tem sido a conversa e a comunicação entre os líderes e suas equipes, para além de manter os resultados com alto padrão de qualidade, tranquilizar os colaboradores. 

O processo de retomada

Agora, o processo de retomada das empresas está de fato acontecendo. Bares, restaurantes, comércios e indústrias que antes estavam com as portas fechadas ou com equipes remotas estão voltando ao trabalho fisicamente. De acordo com a empresa de recrutamento Spring Professional, 38% das empresas pretendem retornar as atividades presenciais em 2021. 

Depois de enfrentar os problemas com as adaptações durante a pandemia, o novo desafio é compreender como retornar às atividades presencialmente e quais são os modelos a serem implantados a partir de agora. Quais áreas podem permanecer no home office? Quais são os ganhos e perdas com a ausência no escritório? São algumas das questões que surgem nessa nova etapa da pandemia, e mais uma vez apontando a importância de estar atento à necessidade de cada um. 

Com todas as novidades e surpresas que tivemos nos últimos meses, a grande lição que fica é a importância de entender a diversidade de demandas de cada colaborador e assim manter uma relação mais próxima e de confiança. Também em momentos de crise, o sucesso de uma empresa está baseado nas pessoas, o que torna o diálogo e a transparência primordiais para o ambiente o corporativo. Clique aqui e fale com um especialista para saber como a Sky.One pode contribuir para o sucesso do seu negócio.