O load balancer possui papel importante para quem tem aplicações na nuvem. Mas será que você sabe exatamente o que é, como funciona e quais são as vantagens de usá-lo? Vem pro blog descobrir o que ele pode fazer para levar a sua aplicação ao próximo nível!

O load balancer é o método mais assertivo para ajustar a infraestrutura dos seus servidores conforme a demanda. Com o volume de tráfego aumentando e os aplicativos se tornando cada vez mais complexos, é fundamental entender o papel dele nos seus negócios.

Ao pensar nisso, entendemos a importância de falar sobre os tipos disponíveis de load balancer, assim como suas vantagens e maneiras para implementá-lo de maneira econômica!

O que é load balancer?

Trata-se de uma solução que distribui o tráfego de rede ou de aplicativos em vários servidores – todos os provedores de cloud computing. Imagine que, quando o servidor sofre um pico de tráfego ou para de responder a solicitações de usuários, ele transfere a carga extra para um servidor diferente automaticamente.

Ao reduzir a carga individual dos servidores, o load balancer consegue aumentar a disponibilidade e melhorar o desempenho de redes e aplicativos. Ele também evita o gargalos de tráfego nos sistemas e elimina a possibilidade de um único ponto de falha nos seus servidores.

Em provedores com a AWS (Amazon Web Services), o load balancer pode distribuir sua carga em mais de uma Zona de Disponibilidade, ou seja, em mais de um Data Center. Isso aumenta muito a força da sua aplicação, já que sua infraestrutura será dividida em localidades diferentes.

Quais os tipos de load balancer?

Frequentemente, o load balancer é categorizado de acordo com a sua compatibilidade às camadas do modelo Open System Interconnection (OSI). São elas:

– Camada 4 (L4):  capaz de direcionar o tráfego com base nos dados da rede e dos protocolos da camada de transporte, como endereço IP e porta TCP.

Camada 7 (L7): capaz de tomar decisões de roteamento com base nos atributos e dados da camada de aplicação, como cabeçalho HTTP, identificador de recurso uniforme, ID de sessão SSL e dados de formulário HTML.

GSLB (Global Server Load Balancing): amplia os principais recursos L4 e L7 para que sejam aplicáveis em farms de servidores distribuídos geograficamente.

Por meio do Elastic Load Balancing (ELB), a Amazon Web Services (AWS) oferece três tipos de load balancer: de aplicativos, de rede e o clássico.

Vantagens de usar load balancer

O load balancer fornece a base para a construção de redes flexíveis que atendem às suas demandas em tempo real, melhorando a segurança e o desempenho dos seus aplicativos. Vamos ver algumas de suas principais características?

Alta disponibilidade

O load balancer consegue distribuir o tráfego entre vários destinos dentro das várias zonas de disponibilidade.

Segurança

O load balancer da Amazon Web Services (AWS) usa o Amazon Virtual Private Cloud (Amazon VPC) para definir instruções de segurança e redes. Além disso, oferece uma opção o load balancer interno, sem exposição à internet.

Sem surpresas desagradáveis

Através de algoritmos complexos, o load balancer consegue detectar quais instâncias estão apresentando falhas e redirecionar a distribuição de carga para os destinos que não apresentam problemas.

Sky.Saver: comece a economizar com load balancer

Usar load balancer é uma excelente forma de garantir a alta performance dos seus aplicativos, minimizando a chance de interrupções e falhas, porém, essa solução tem um preço e ele nem sempre cabe no bolso das empresas.

Para ajudá-lo no ponto de economia na infraestrutura da Amazon Web Services (AWS) criamos o Sky.Saver, que permite a gestão de instâncias conectadas ao seu load balancer. Assim, você consegue alcançar o máximo de performance sem gastos desnecessários, ou necessidade de equipe altamente dedicada e especializada, possibilitando reduzir seus custos em até 80%.

Que tal testar o Sky.Saver gratuitamente por 15 dias? Veja como é manter sua melhor performance!

 

Escrito por

Equipe Sky.One

Este conteúdo foi produzido pela equipe da SkyOne, composta por especialistas em nuvem e transformação digital.