Não é segredo que os sistemas legados representam um desafio recorrente para as empresas, independentemente do porte ou setor de atuação. 

Tratam-se de sistemas antigos, que permanecem em operação nas organizações e que, geralmente, utilizam bancos de dados obsoletos. Muitos desses sistemas possuem décadas de existência e, apesar de tempos em tempos, serem otimizados para acomodar memória, disco e uso de redes com servidores locais, ainda utilizam linguagens pouco modernas.

Com isso, surge a necessidade de modernizar os bancos de dados das organizações, porém, apenas recriar as soluções com tecnologia de cloud computing pode ser muito oneroso e demanda tempo. Por isso, migrar para a nuvem de forma eficiente pode representar inúmeras vantagens às empresas.

Conhecendo os benefícios da migração de sistemas legados para a nuvem

A manutenção dos sistemas legados pode ocasionar muitas dores de cabeça às organizações, uma vez que as equipes de TI precisam lidar com softwares desatualizados, pouca escalabilidade e falta de suporte recorrente. 

Nesse sentido, a migração para a cloud proporciona vantagens significativas para o negócio, como:

  • Maior segurança e proteção dos dados;
  • Disponibilidade de acesso em qualquer lugar, com qualquer dispositivo;
  • Aumento da performance;
  • Backups automáticos;
  • Diminuição do uso de equipamentos obsoletos que não têm mais suporte de software e hardware;
  • Permissão de acesso sem necessidade de presença física no local de trabalho.

Os desafios que envolvem os sistemas legados

Ao tratarmos deste tipo de migração para a nuvem, é importante atentar-se a alguns cuidados. 

É imprescindível que o processo migratório seja bem realizado para que dados e documentos não sejam perdidos. 

Como a transferência de informações não ocorre de forma instantânea, é possível considerar uma coexistência de bancos de dados, e o mesmo ocorre com servidores e aplicações específicas. 

Além disso, os sistemas legados não lidam bem com problemas como latência, que não existiam em redes locais e usam os bancos de dados de maneira diferente das soluções nativas em cloud.

Como a Sky.One pode ajudar nessa migração para nuvem?

É essencial que o parceiro escolhido para conduzir o projeto de migração dos seus sistemas legados tenha experiência e saiba lidar com empresas de todos os portes, desde micro e pequenas, até corporações multinacionais. 

Por isso, a Sky.One desenvolveu a solução Auto.Sky, responsável por migrar ERPs de forma segura, rápida e eficiente para a nuvem.

Já são mais de 300 tipos de ERPs homologados, que são possíveis de serem implantados em poucas horas, quando necessário. A Sky.One conta com um time de especialistas que cuida de complexos workloads de empresas de grande porte, além da estratégica Joint Venture com a DBMaster.

Quer conhecer melhor as soluções da Sky.One? Acesse o link e descubra como podemos ajudar a sua empresa na migração dos sistemas legados!